Borderlands

Com uma mistura peculiar de tiro em primeira  pessoa e elementos de RPG (como em Fallout 3), Borderlands é um jogo com visual legal, personagens carismáticos, armas (muitas armas!) e veículos interessantes, mas que tem alguma coisa importante faltando. A mistura de cartoon, humor escrachado, faroeste e mundo pós-apocaliptico é uma fórmula interressante, mas que não deu muito certo nesse jogo.

A história é clichê, um mercenário em mundo destruído no estilo Mad Max com alienígenas e bandidos, procura terra prometida, cheia de tecnologia, luxo e mulheres. Os personagens principais (cada um é uma classe que você pode escolher no começo do jogo) não falam uma frase, mas tem certa simpatia, fora os personagens secundários, com suas frases escrachadas, tiram algumas risadas de vez em quando.

Quanto a jogabilidade, não há  muito que falar, é um FPS decente, com grande quantidade de armas, mas com inimigos que deveriam ter uma inteligencia artificial muito melhor. Não é um aspecto tão decepcionante, mas é frustante em certos momentos: os inimigos aparecem em bandos, e muitas vezes de maneira aleatória, só pra ter um tiroteio de vez em quando.

Os gráficos são despretensiosos. Não querem mostrar realismo, e sim o aspecto humorístico do jogo, o que eu considero importante e que outros jogos deveriam se inspirar. Não  é uma luta pra mostrar gráficos lindos, mas sim para apresentar a atmosfera do jogo. Os som do jogo estão bons, mas nada muito incrível. As músicas combinam bem com os momentos de batalha, apresentação dos personagens e (poucos) momentos de tranquilidade.

No geral, é um jogo divertido, com boas piadinhas, personagens extravagantes, mas que não tem uma marca muito forte para atrair os gamers, mais exigentes. Se você não se importa com uma história mal explorada e inimigos panacas, e curte um tiroteio alienígena em um mundo pós-apocaliptico, pule de cabeça em Borderlands!

PRÓS:

  • Armas. Muitas armas
  • Cenário Cartoon
  • Personagens carismáticos

CONTRAS:

  • Inteligêcia artificial mal desenvolvida
  • Falta de profundidade na história
  • Muito vazio em certos pontos

Anúncios

~ por Jean Carlos em dezembro 27, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: